sábado, 28 de agosto de 2010

360 graus






360 graus:
num giro o bairro todo...
girândola
a periferia na pele aferia:
preferiria luz à flor da pele
tatuagens
margens e  imagens
um olhar confere
a fé e a febre do sol se pôr

sobre as casas 
os tons do telheiro
palheta palores
colores:
Torres, sinos e rumores...

a tarde e suas tintas:
 o sol espalha e espelha
- espátula!
e entre o ir do sol
um som um sim: sinal
um yin e um yang
olhar e olores

vento morno
corpo nu 
  nume
numa nunca esperada
nuance

rota solar lar, um nome:
fúcsia magenta
cor que arrebata: acrobata!

O bairro é o momento!
a vida é agora:
ora ávida ave da vida
hora vívida ave maria
canto e
voz
florais de bach

nuvem no vento vem
úvida dúvida
azul
arrebol fecundo
mundo meu

nos telheiros daqui de cima, olheiros!
vários, visíveis, viáveis
telhados abrigam lares que abrigam vidas que abrigam almas
 múltiplas multiplicadas
para além dos telheiros
acolhedores e tantos
a perder de vista...
 
- telheiros de um Belo Horizonte,
minh'alma quer ser feliz!





                                                                 Torres Matrice


                                                                  06/02/2006

ISTO NÃO É UM CACHIMBO







[ OBJETO ]


isolado em estudo
sob o olhar, 
saturado:
a canseira da visão 
na investigação da coisa

DESPIDA
até o car(osso)

como uma existência que se torna visível pela primeira vez

uma nudez descascada
no cerne da coisa

RE/LIDA

outro { ângulo} focal
desintegra o posto
desfaz o rosto
descobre o SER que não foi
pupila apalpa a polpa 
antes do vício do nome

NOME
invólucro aleatório na coisa
batismo e alienação

Enxergar na distração da cegueira da visão
o caroço 
do 
ABACATE

a traição da imagem:
isto não é
- não acate!!!
abacate





Torres Matrice


31/05/2000

terça-feira, 24 de agosto de 2010

FARINELLI, IL CASTRATO


Sinopse

Após se tornar o mais famoso cantor do século XVIII, Farinelli (Stefano Dionisi) decide permanecer na corte do Rei Felipe V da Espanha (Jacques Boudet) e cantar exclusivamente para ele. Mas sua carreira começou junto com seu irmão (Enrico Lo Verso), um compositor que compunha exclusivamente para ele obras de qualidade questionável. Porém, Farinelli tinha sido castrado aos dez anos e sua pura e perfeita voz tinha se tornado a única razão para ele viver, sendo que mesmo um floreio sem grande valor musical se tornava um espetáculo capaz de lotar os teatros. Os irmãos não se falam há três anos, desde quando Farinelli rompeu com seu irmão se dedicando exclusivamente à sua amante, mas o retorno repentino do seu irmão vai evocar o passado e poderá afetar o futuro deles.

Farinelli, il castrato

video

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...